http://xunapanela.com

Descomplicando sua cozinha
Acompanhamentos, caldos, carnes, frangos, lanches, massas, oriental, peixes, risotos


Macarrão do Kaneko (com alho negro)

Recentemente, conheci o “alho negro” através de um amigo que me propos utilizar essa iguaria em alguma receita minha. Portanto, o nome do prato vai em homenagem à ele, KaneKo.

O alho negro não é uma nova espécie de alho. Trata-se de uma criação de Marisa Ono. Pelo que andei pesquisando, esse alho é a nova tendência na alta gastronomia. E foi assim que ele foi descrito: “o alho é adocicado, denso, e me lembrou muito uma fruta passa mas sem o açúcar. E tem algo bastante oriental nele – que não é doce, nem salgada e parece que fez parte de alguma conserva… toques sutis que me lembraram vinagre, shoyu ou missô adocicado” – Nathalia Yamauti.

Soube também que para obtê-lo só entrando em contato com sua própria criadora através do e-mail marisaono@gmail.com e fazendo a encomenda.

Com tamanha responsabilidade nas mãos, isso me soou mais como um desafio, mas acabei me divertindo nas possibilidades e me apaixonando por esse novo ingrediente, que, ao contrário do alho comum, não deixa o gosto infiltrado na boca pelo resto do dia e o gosto é bastante suave.

Ingredientes:

– 250g de macarrão curto
– 1/2 abobrinha do tipo italiana
– 50g de peito de peru defumado
– 2 colheres (sobremesa) de  ervas finas
– 6 dentes de alho negro
– 1 colher (sopa) de margarina
– tempero em pó para legumes ou sal
– pimenta do reino
– 1 colher (sopa) de azeite de oliva extra-virgem

Modo de preparo:

Enquanto você aguarda a água do macarrão ferver, corte a abobrinha em finas fatias e depois cada fatia em quatro partes, tempere com sal ou com o tempero em pó e pimenta do reino moída, coloque em uma panela junto com a margarina e deixe refogar em fogo baixo.

Corte o peito de peru defumado em cubos pequenos ou, se estiverem em fatias, corte em quadrados médios. Junte à abobrinha. Acrescente as ervas finas.

Deixe refogar ainda em fogo baixo por cerca de 15 minutos mexendo vez ou outra para não queimar.

Descasque os dentes de alho megro com muito cuidado, pois são bastante delicados com consistência quase de um patê ou de chocolate num dia muito quente.

Corte os dentes de alho em pequenos cubos.

Coloque o alho na panela com o restante dos ingredientes, mexa cautelosamente e desligue o fogo em seguida. O alho negro é muito mais saboroso se não for muito cozido.

Acrescente o macarrão já cozido e escorrido e regue com o azeite (o azeite quando não esquentado no fogo  mantém seu sabor e aroma mais pronunciados, então utilize um de boa qualidade).

Print Friendly


  1. […] negro? descubra o que […]

    Pingback by Macarrão do Caneco (com alho negro) « — 27/01/2011 @ 8:06 pm
  2. Que bom que você gostou!

    Comment by Marisa Ono — 30/01/2011 @ 9:30 pm
  3. Comprei uma apostila que ensina como fazer o alho negro e a estufa com energia reaproveitavel, veio até um CD com videos explicativos… Caso alguém se interesse o contato para adquirir a apostila é mwsolucoes@gmail.com

    Comment by Marcelo Weidner — 27/04/2012 @ 7:26 pm
  4. new car dealers layton

    Macarrão do Kaneko (com alho negro) Descomplicando sua cozinha

    Trackback by new car dealers layton — 28/07/2014 @ 5:07 pm

Deixe um comentário

Feed RSS dos comentários deste post TrackBack URL